TJ – Tricotamos Juntos | Caturnos

Tricotamos Juntos

#knitforahappierworld
#tricotarnasoleira

 

No dia 12 de Fevereiro, iniciamos um TJ/KAL, para tricotarmos juntos o modelo perfeito, em todos os sentidos, para estes tempos de #ficaremcasa – os caturnos.

Criados pela Filipa Carneiro com o fio Zelândia Grosso da Rosários 4, estas meias grossas têm a inspiração nos tradicionais caturnos, meias feitas em lã. Numa altura em que passamos mais tempo em casa, ganhamos a disponibilidade para tricotar e, no final, também umas meias aconchegantes para usar.

E tal como as mulheres de Alvite, que não tricotavam sozinhas (juntavam-se no soalheiro, no Inverno, e na soleira da porta, no Verão), também vamos despertar a vertente mais social deste projecto e convidar o público a juntar-se a nós, para tricotarmos todos juntos os caturnos. Temos saudades dos encontros, das partilhas e da conversa fiada ritmada pelo bater das agulhas, por isso esta tarde juntamo-nos na soleira do computador e montamos malhas para um novo projecto, com inspiração na tradição e alma portuguesa.

 

Um projecto em 3 partes

A cada sexta-feira, lançamos no directo #knitforahappierworld as pistas para tricotar os caturnos. Tomem nota das datas:

12 de Fevereiro – 1.ª parte
19 de Fevereiro – 2.ª parte
26 de Fevereiro – 3.ª parte

Após cada directo, as instruções ficam disponíveis para download aqui.

Onde são transmitidos os directos?

Os vídeos #knitforahappierworld são transmitidos à sexta-feira, às 17h, no canal de youtube da designer Filipa Carneiro. Quem não conseguir ver em directo, pode ver em qualquer altura aqui.

 

Que materiais são necessários para tricotar os caturnos?

Os caturnos são tricotados com o fio Zelândia Grosso. Para ver a lista completa de materiais necessários, basta visitar a página do projecto, aqui.

 

1

One thought on “TJ – Tricotamos Juntos | Caturnos

  • Raquel Miriam Manuel de Freitas Valadão

    Boa noite. Estou a tricotar os Caturnos e está a ser uma experiência muito enriquecedora. Estou a tricotar o tamanho S/M e já cheguei ao fim das carreiras de diminuições. Fiquei com as 38 malhas indicadas, no final da pista 1: 12 malhas numa agulha e 26 malhas noutra. Na última sexta-feira, a Filipa mostrou durante o direto que agora seria para tricotar metade das malhas que estão nas agulhas, fez a contagem de 20 malhas. A minha dúvida: se fico com 38 malhas após as diminuições, como é que posso ter 20 malhas de um lado e outras 20 do outro? Ou devo redistribuir as malhas ficando com 20 de um lado e 18 do outro? Peço desculpa Pelo incómodo. Muito obrigada.

      Responder

Deixar um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Carrinho

Temos novidades para si. Subscreva a nossa newsletter.